Antra denuncia o crescente assassinato de travestis no Brasil

quarta, 07 de julho de 2021
Antra denuncia o crescente assassinato de travestis no BrasilReprodução/Internet

Segundo postagem do G1, de hoje, 7 de julho, o Brasil teve 80 assassinatos de pessoas transexuais no 1º semestre deste ano, segundo relatório da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra). Uma delas foi a adolescente Keron Ravach, de 13 anos, morta a pauladas em janeiro, no Ceará. Ela se tornou a vítima mais jovem na história do monitoramento, que é feito pela Antra há 4 anos com base em reportagens e relatos de ONGs. A associação denuncia que não existem dados oficiais e, por isso, entende que o número de assassinatos entre janeiro e junho deste ano pode ter sido ainda maior.

Fonte: G1

Compartilhe!


Nenhum post cadastrado em Noticias
Publicidade